O Que é Capital de Giro e Como Administrá-lo

O Que é Capital de Giro e Como Administrá-lo
Renan Lopes - 08/06/2018

Perante a crise nacional, muitos novos empreendedores começaram a surgir no nosso país, alguns na intenção de conquistar a própria segurança financeira mudando o mercado, já outros querendo apenas o próprio sustento.

Muitas das pessoas que entraram nesse mundo foram por conta da falta de emprego do país, que hoje, está ultrapassando a marca dos 14 milhões de desempregados. Levando isso em consideração, a população está procurando fazer o que pode para poder se safar da crise, ou ao menos conseguir sobreviver a todo esse inferno econômico que o nosso país vem enfrentando.

Mas, para que você tenha sucesso na sua carreira de empreendedor, existem alguns detalhes que nós precisamos debater para que você tenha o melhor resultado possível na sua carreira. Você precisa aprender o que há de mais funcional no mercado em termos de técnicas de gestão para fazer com que o seu negócio ande para frente e te traga lucro.

E não importa se é um negócio de grande porte ou um negócio de pequeno porte, você precisa fazer o possível para estar sempre atualizado, por isso, nesse artigo, eu vou conversar com você sobre capital de giro, e também vou trazer algumas dicas para que você possa otimizar a administração do seu capital.

O que é o capital de giro?

O capital de giro é basicamente tudo aquilo que envolve o dinheiro da empresa, basicamente, é uma junção dos recursos financeiros da empresa responsáveis por gerarem uma movimentação no fluxo de caixa. E dentro do capital de giro, você vai encontrar praticamente tudo o que está relacionado à movimentação financeira.

Para ajudar, recomendamos você controlar suas despesas e receitas utilizando Sistema de Fluxo de Caixa Online que vai te ajudar a manter tudo organizado e em segurança.

Com a organização financeira você irá poder tomar decisões mais precisas e utilizar com conciência o seu capital de giro. Por exemplo, imagine a seguinte situação: Você está pensando em investir em algum equipamento novo, e para poder realizar a compra desse equipamento novo você resolve tirar o dinheiro do fluxo de caixa da empresa.

Porém, você deixa de levar em consideração todos os gastos necessários para que a empresa se movimente, todas as dívidas e também os recursos básicos para o funcionamento da empresa e acaba ficando no vermelho.

Se você tivesse feito um bom balanço do capital de giro da sua empresa, você certamente saberia se era o momento certo ou não para poder efetuar esse compra que você acabou de fazer.

Tendo isso em mente, nesse artigo nós vamos mostrar para você um pouco sobre como você pode fazer para poder controlar o capital de giro da sua empresa e usá-lo a seu favor.

Capital de giro líquido

Para você que não está habituado com esse termo, o capital de giro líquido se refere a todos os ativos circulantes dentro do caixa da sua empresa, ou seja, todos os recursos financeiros que estão em movimentação e não parados.

Bens como por exemplo, imóveis, não fazem parte dessa conta! Por que eles não representam um dinheiro que pode ser utilizado de forma rápida pela sua empresa caso seja necessário pagar algum fornecedor por exemplo.

Para que algum ativo financeiro entre na conta do capital de giro de liquidez ele precisa ser um ativo que representa um dinheiro rápido caso a empresa precise desse dinheiro.

Capital de giro negativo

Capital de giro negativo como o próprio nome já remete, é quanto a sua empresa infelizmente não consegue quitar todos os débitos levando em consideração a entrada de dinheiro que ela tem atualmente, e por conta disso, ela se encontra sempre no vermelho.

É muito importante evitar deixar o seu capital de giro se tornar de fato negativo, por que esse tipo de coisa vai fazer com que você tenha sérios problemas com relação a vida útil do seu negócio, justamente por que ele não será autossustentável por muito tempo.

Como administrar o meu capital de giro de forma sensata?

Bom, se tratando de administração e gestão financeira, é muito simples responder a essa pergunta! Você precisa começar a usar mais a cabeça do que o coração. É aquela questão de querer dar um passo maior do que a própria perna.

Você deve evitar cometer esse tipo de erro. Procure comprar equipamentos somente quando necessário, invista somente em algo que você possa investir, e procure ter paciência na hora de gastar por que qualquer negócio de sucesso leva tempo para conseguir dar lucro, portanto, não seja ansioso.

Um empresário de sucesso é uma pessoa que sabe ser paciente e não fica ansiosa em busca de resultados. Ansiedade causa muito estresse! E o estresse por si só será um inimigo muito difícil de lidar. Cuide da sua saúde mental, trabalhe com aquilo que você gosta e tenha o pé no chão com relação ao seu dinheiro.

Não gaste o dinheiro da empresa com aquilo que não for necessário, e deixe sempre uma reserva mês, assim, você não vai ter problemas com dívidas.

Organize Suas Contas Com o Sistema Soma - Comece Grátis


Gostou de nossa matéria? Não se esqueça de compartilhar nas redes sociais e de se inscrever em nossa Newsletter para receber mais matérias como esta e também conteúdos gratuitos sobre empreendedorismo, finanças e marketing. Em caso de dúvidas, críticas ou sugestões, deixe seu comentário logo abaixo.

Tem 29 anos, empresário e formado em Ciência da Computação com pós-graduação em Tecnologias Web e MBA em Gestão de Projetos. Aficionado por tecnologia, empreendedorismo e finanças.
Últimos posts do autor

Participe e Comente